sexta-feira, 26 de junho de 2020

[comRESERVAS]

Dar a conhecer os 'invisíveis' do Museu é o mote da rúbrica das sextas-feiras [comRESERVAS].
HOJE, o conservador Pedro Ferrão leva-nos à reserva de ourivesaria do MNMC para nos apresentar a Cruz-Relicário do Santo Lenho, datada do século XVI (MNMC6090), proveniente do Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra. Cruz latina com a escultura de vulto de Cristo crucificado, contém no interior do mostruário a relíquia do Santo Lento - pequenos fragmentos de madeira retirados da cruz em que Cristo foi crucificado - sendo a relíquia mais reverenciada pelo Cristianismo.
Conheça a história que esta peça evoca!

Sem comentários:

Publicar um comentário