quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Visita orientada 'São Berardo e os Mártires de Marrocos nas coleções do Museu' por Carlos Santos | Museu Nacional de Machado de Castro | quarta-feira, 16 de janeiro, 18h | Destaque

Esta quarta-feira celebra-se o dia litúrgico dos Santos Mártires de Marrocos. Para assinalar a data realiza-se, no MNMC, a visita orientada ‘São Berardo e os Mártires de Marrocos nas coleções do Museu' por Carlos Santos.

Participe e conheça em detalhe a missão dos cinco frades italianos - Beraldo (ou Berardo), Pedro, Otão, Acúrsio e Adjuto - que, em 1219, foram enviados a Marrocos por São Francisco de Assis para pregar a doutrina cristã em terras africanas. 
Na sua viagem passaram por Portugal, tendo sido recebidos em Coimbra por D. Urraca, mulher do rei D. Afonso II. Uma vez em Marrocos, os frades logo começaram a tarefa a que foram destinados, o que provocou a ira do líder religioso local. Encarcerados, acabaram por ser executados na praça pública. Os seus corpos foram posteriormente enviados para Coimbra pelo Infante D. Pedro, irmão de D. Afonso II, onde foram recebidos com grande devoção.
As urnas originais que serviram para transportar parte dos restos mortais dos mártires franciscanos para o Mosteiro de Santa Cruz perderam-se, o mesmo acontecendo com um relicário primitivo feito para o Lorvão. Porém, sobreviveu até aos nossos dias a arca-relicário mandada fazer em finais do século XIII, inícios do século XIV, pela abadessa Constança Soares, exemplar único da tumulária gótica portuguesa e o mais antigo testemunho da devoção aos Santos Mártires de Marrocos, que hoje integra a coleção de escultura do Museu Nacional de Machado de Castro (MNMC 578).

Entrada livre
 
Esperamos por si!
 

 

Sem comentários:

Enviar um comentário